Pedais de plataforma Shimano XT

POR: Henrique Pontes
FOTOS: Tiago Rio

Nos últimos anos a Shimano tem vindo a apostar cada vez mais no mercado de pedais vocacionados para Trail e Enduro, sendo que as linhas Deore, Deore XT e XTR têm acolhido novos modelos Trail que rapidamente se tornaram a referência de mercado para quem procura um SPD com plataforma. Contudo a aposta nos pedais de plataforma restringia-se apenas aos mercados de Downhill e BMX Race. Para colmatar esta lacuna a Shimano lançou o primeiro pedal de plataforma da gama Deore XT!

Os pedais M8040 dispõe de um corpo avantajado e robusto mas elegante. O design é sóbrio e agradável à vista, com pinos muito salientes e um corpo ligeiramente côncavo, num pedal que já sabemos que vai ser bom antes de sequer o experimentar. Existem dois tamanhos disponíveis: S/M e M/L, sendo que o modelo em teste era o maior, e provavelmente um dos maiores pedais do mercado. A diferença são mais 10 mm de comprimento e largura, face ao S/M, e destinam-se a quem calça de 43 para cima. O peso dos M/L são 491g. Nada de chocante mas ligeiramente mais pesados que alguns pedais da concorrência. Para ser justo, também são maiores e mais apropriados para quem calça largo. Com certeza o peso dos S/M andará mais próximo das 430g dos Nukeproof Horizon ou dos DMR Vault (a referência do mercado).

Na caixa vêm duas opções de pinos: um set de curtos e outro de compridos com 5 mm de comprimento. Os pedais vinham montados com os pinos mais curtos. Contudo são tão curtos que nem perdemos tempo e montámos imediatamente os pinos maiores. Poderíamos ter feito uma mistura entre pinos compridos nas extremidades e curtos no meio mas decidimos testar logo as condições de aderência máxima! Os pinos já vêm com cola de rosca, por isso o encaixe ficou bem justo e dali não deverão sair tão depressa. São enroscados por fora com uma chave sextavada, o que significa que depois de algumas utilizações já só vão sair com a ajuda de um alicate. Não foi a decisão mais inteligente por parte da Shimano.

Conforme previsto, no terreno não há muito que enganar. Estes pedais agarram-se aos pés quais lapas numa rocha. A plataforma usável dos PD-M8040 em M/L é substancialmente maior que nos anteriormente referidos DMR Vault e isso resulta em mais conforto e confiança para quem tem os pés grandes. Contudo são 1 mm mais grossos e têm as arestas menos arredondadas que os DMR e isso faz com que o pedal não deslize tão bem quando bate nas rochas.

Os pinos, com 5 mm de altura, obviamente oferecem uma tração fantástica mas dadas as dimensões dos pedais, até dá medo empurrar a bicicleta ou chegar perto dela. Estes “meninos” não fazem reféns nem mesmo quando estamos fora da bicicleta.

De um modo geral, ficámos muito satisfeitos com os PD-M8040. Nota-se que a Shimano ainda precisa de aprimorar os seus pedais de plataforma. Há algumas falhas que denotam alguma “inexperiência” (se é que se pode usar este termo quando nos referimos ao gigante japonês) no segmento, mas temos um produto final muito sólido e capaz de competir com os melhores pedais do mercado. A grande vantagem face à concorrência é sem dúvida a possibilidade de ter o modelo M/L. Vai ser muito mais confortável para quem calça sapatos maiores.

FICHA TÉCNICA

Prós: Tração, preço competitivo, qualidade de construção, 2 tamanhos disponíveis

Contras: Pinos sextavados apertados por fora, arestas pouco arredondadas, a plataforma poderia ser ainda mais côncava e os pinos menos salientes sem comprometer a tração

Peso: 491g

Preço: 80,10€

Site do fabricante