Focus JAM² 29, mais quilómetros e mais diversão

POR: Tiago Rio
FOTOS: Tiago Rio | RIDER: Dário Santos

As e-bikes estão aí para ficar, e a prova é que o mercado está inundado de propostas de bicicletas elétricas de todos os tipos. Variedade não falta, a dificuldade será em escolher qual o modelo preferido. Para quem ainda não experimentou uma e-bike, ou acha que são só para quem não tem pernas para aguentar as subidas, faça um favor a si próprio e vá testar uma - muitas lojas já dispõem de modelos elétricos para teste. O factor diversão é garantido, e vai-se cansar na mesma porque continua a ter de pedalar, mas vai dar por si a fazer mais quilómetros que o habitual com a mesma quantidade de esforço.

Há uns meses atrás tivémos a oportunidade de experimentar os dois tamanhos de roda disponíveis na gama JAM²: 27.5 e 29". A versão 27.5 é claramente a versão mais indicada para os pilotos mais radicais. A aderência extra proporcionada pela maior largura dos pneus permite um controle muito superior nas descidas mais íngremes e técnicas, ao passo que o maior volume do pneu amortece muito mais as vibrações em trilhos com mais pedra. Para quem pretende rolar com mais velocidade e devorar quilómetros, é preferível optar pela versão de roda 29". O modelo apresentado neste teste é a Focus JAM² 29, a versão de entrada de gama, com um preço acessível para quem pretende iniciar-se no mundo das e-bikes, e um nível de equipamento adequado ao preço.

Gestão do motor e bateria

O motor escolhido para este modelo é o Shimano Steps E8000, que conta com comando no manípulo esquerdo e um mostrador eletrónico encaixado entre o guiador e o avanço para maior protecção. O mostrador para além de controlar o estado do motor e bateria, funciona como um conta-quilómetros tradicional.

O sistema Shimano Steps conta com 3 modos de utilização: ECO, TRAIL e BOOST. Cada nível aumenta o auxílio à pedalada fornecido pelo motor, mas em contrapartida reduz proporcionalmente a capacidade da bateria. Utilizando apenas a bateria integrada no quadro, a autonomia proporcionada permite fazer muitos quilómetros se circular a maior parte do tempo no modo ECO, que é mais que suficiente para rolar ou subir em estradão. O modo TRAIL é bom para singletracks, com uma resposta mais forte à pedalada que vai permitir potenciar a nossa performance e divertirmo-nos ainda mais. O modo BOOST é fantástico, faz-nos sentir que temos pernas de super-homem, mas se abusar dele vai ficar sem bateria a meio da manhã, por isso recomendamos que o reserve para as subidas mais técnicas, onde vai mesmo sentir as vantagens de uma e-bike. Todavia na configuração por defeito do motor Shimano Steps existe um degrau de performance muito significativo entre os modos Trail e Boost: por vezes sente-se que o modo Trail é insuficiente para determinadas subidas e o Boost é mais do que o necessário. Esta configuração trás como desvantagem uma maior dificuldade na gestão da bateria. Recomendamos que utilizem a app Shimano E-tube para configurar estes modos ao vosso gosto.

Ficar sem bateria a meio de um passeio é algo que vai querer evitar, porque enfrentar uma subida com uma bicicleta de 22 quilos é obra! Para solucionar este problema a Focus disponibiliza um pack para duplicar a autonomia, acoplando uma segunda bateria no tubo inferior, no lugar do bidon de água. O sistema T.E.C. (Tailored Energy Concept) facilita o processo, pois basta apenas um click para fixar rapidamente a bateria no encaixe, não sendo por isso necessário o uso de ferramentas. Passamos assim dos 378Wh da bateria integrada, para uma espantosa capacidade de 756 Wh, o que nos garante que não ficamos sem energia mesmo nos percursos mais longos.

Comportamento dinâmico

O sistema de suspensão F.O.L.D. desenvolvido pela Focus é muito eficaz, com um amortecimento suave e confortável mas capaz de aguentar os embates mais fortes. A curva regressiva nos 30% iniciais do curso, faz com que a sensibilidade a pequenos impactos seja excelente, e fornece uma óptima tracção. No restante do curso a curva torna-se progressiva para maior firmeza e capacidade de suportar impactos mais significativos. Pedala muito bem sem bombear em demasia, auxiliada pelos 74.5º do tubo de selim. A localização dos pivots e do motor, colocam o centro de gravidade numa posição baixa e central, que favorece bastante o comportamento em curva. O triângulo traseiro não possui pivots, o que se traduz numa traseira rígida e muito leve, com um comportamento exemplar.

À frente, a geometria agressiva com um ângulo da direcção de 66.5º faz da JAM² uma bicicleta ágil, confiante e divertida, que se mostra perfeitamente à vontade em andamentos mais agressivos. A suspensão Rock Shox Revelation assegura o controle, mas deixa um pouco a desejar ao nível do conforto, sendo notório o cansaço nos braços e mãos. Os limites técnicos desta bicicleta são comprometidos pelos pneus Continental Mountain King, que rapidamente atingem o seu limite, e não conseguem segurar o peso de uma e-bike nas descidas mais íngremes, tornando difícil dosear a travagem sem derrapar, e segurar a bicicleta na linha pretendida. Se vai rolar em trilhos mais técnicos recomendamos que monte uns pneus mais agressivos, ou em alternativa opte pela versão JAM² de roda 27.5 . A travagem dos Shimano Deore com discos 200mm à frente e 180mm atrás foi suficiente para este setup, mas com uns pneus com maior aderência, seria possível tirar partido de uns travões mais potentes e com melhor modulação.

Pormenores de design

A nível de design esta é uma bicicleta muito bem conseguida, com formas moderna, passagem de cabos interna e um esquema de cores atraente. É de notar que os encaixes para passagem de cabos funcionam também como condutas de ar que canalizam o ar fresco para arrefecer a bateria. A ficha para ligar à corrente elétrica e carregar a bateria situa-se por baixo do tubo superior, numa posição bastante discreta, e tem uma conexão magnética que encaixa sem esforço.

--

Agradecemos à Motex por nos ter gentilmente cedido a bicicleta para teste.

FICHA TÉCNICA

Prós: Possibilidade de duplicar a autonomia com uma bateria externa, geometria divertida.

Contras: Pneus com pouca aderência, suspensão pouco confortável

Peso: 22 kg

Preço: €4,499

Site do fabricante