A Canyon apresenta a sua nova bicicleta Grail

POR: Tiago Rio

Estrada, estradão, gravilha, todo-o-terreno, aventura - o que inporta não são as definições, mas as oportunidades que se abrem. Quer seja o acesso a locais remotos, ou simplesmente deixar o trânsito para trás, mais pessoas do que nunca estão a conjugar terra e alcatrão nos seus passeios de bicicleta.

Construir a bicicleta de gravel perfeita é uma tarefa subjectiva. De quadros de estrada adaptados até componentes mecânicos de suspensão evoluídos do BTT, tudo tem sido testados pelos fabricantes de bicicletas para conjugarem o melhor de dois mundos: estrada e todo-o-terreno.

A procura de uma bicicleta que seja àgil na estrada mas estável nos trilhos, inspirou a Canyon a encontrar o equilíbrio perfeito entre velocidade e conforto. A nova Grail é a sua produção de estrada mais aventureira de sempre, adotando uma abordagem sem barreiras a nível de design e engenharia para criar uma bicicleta que não passa despercebida e abre um novo mundo de potencial ciclista.

O conforto foi a área onde se definiram as expectativas mais elevadas para atribuir à Grail os seus talentos todo-o-terreno. Para neutralizar o aumento de impactos e vibrações que surgem quando se deixa o alcatrão, a Canyon desenvolveu o sistema Hover. Focando-se nos pontos de contacto com o ciclista, apresentando um inovador cockpit integrado, espigão de selim com amortecimento de vibrações VCLS 2.0, e pneus e aros de última geração, a Grail foi feita para flutuar por cima de superfícies irregulares o dia inteiro, sem martirizar o ciclista.

O elemento mais distintivo da Grail é o seu guiador Hover. A exclusiva configuração com 2 patamares nasceu da necessidade de suprir ao utilizador um guiador que seja flexível no topo para aumentar o conforto nas zonas irregulares, e rígido nas pegas inferiores para quando se sprinta ou desce. A zona flexível explora as propriedades elásticas do carbono para desviar e absorver suavemente as vibrações transmitidas ao piloto. Aumentando o peso apenas em 120 gramas relativamente aos guiadores convencionais, o Hover é mais leve que outras alternativas com sistemas de suspensão e evita problemas de manutenção ou fiabilidade.

Diversas funcionalidades na Grail elevam o controlo do ciclista a outro nível. A longa distância entre eixos cria estabilidade, o cockpit de dimensões inspiradas no BTT com um comprimento efectivo de avanço mais curto e guiador mais largo fornecem a agilidade necessária para quando os trilhos se tornam mais técnicos. Todos os modelos Grail estão equipados com pneus Schwalbe G-ONE Bite de 40mm com alto volume, combinados com aros tubeless ready de 22mm de largura interior, permitindo reduzir a pressão dos pneus para obter elevados níveis de tracção.

Para criar uma bicicleta igualmente capaz na estrada e fora dela, os engenheiros da Canyon aplicaram a sua experiência em produzir quadros de carbono de elevada performance e rigidez. No tamanho médio, a versão e topo Grail CF SLX acusa apenas 830 gramas na balança, mantendo-se todavia capaz para suportar a punição infligida nos trilhos. Transmissões Shimano de 2 pratos pedaleiros permitem ter o alcance necessário para qualquer tipo de terreno. Por último a Canyon aliou-se à Topeak para criar uma leve e resistente linha de malas feitas à medida da Grail.

A linha 2018 da Grail engloba seis modelos no total: cinco modelos Grail CF SL estão agora disponíveis para encomendar, incluindo uma montagem específica para mulheres, e o modelo Grail CF SLX no topo da gama. Para saber mais sobre este modelo vá a www.canyon.com/grail.